Translate

segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Câmara Municipal de Taquaritinga - Estado Laico é uma piada

O estado laico em Taquaritinga virou uma piada.
Por Valdir Pereira
A maioria evangélica da Câmara, recém-eleita, tratou de transformar o poder legislativo, num templo religioso.
Além disso, é costumeiro que nas sessões da Câmara, que se dão somente nas segundas feiras, as orações servem de abertura dos trabalhos. A sua competência, fiscalizar os atos de executivo, os investimentos na infraestrutura, ficam para as calendas gregas. Para democratizar a instituição, deveriam formular políticas públicas; criar Conselhos Populares nas áreas da saúde ( que por sinal está uma lastima); faltam medicamentos, seringas para os diabéticos; médicos em diversas áreas; não existe sequer um geriatra, um nefrologista e outras especialidades. A saúde é um caos.
O transporte, que por sinal é concessão do atual prefeito, é o pé dois; a linhas são insuficientes e extremamente demoradas, obrigam os usuários a utilizar o transporte das pernas pela ausência de um Conselho de Transporte que exija um transporte decente.
A educação é uma lástima, embora o esforço sobre-humano dos professores; os alunos agridem verbalmente seus mestres quando não fisicamente.
Estabelecer um Conselho popular(sem a presença dos cupinchas ) envolvendo os educadores e pais, discutindo profundamente as saídas para a crise na educação, em Taquaritinga, seria de grande valia para encaminhar um diálogo produtivo entre pais e mestres e a superação dos problemas.
Se o poder legislativo se empenhar nas soluções dos problemas legislando em favor do povo mais pobre, teriam o apoio da maioria angustiada dos taquaritinguenses.
Nossa cidade é pobre. Seus moradores vivendo de bicos; a classe média constituída de profissionais liberais e de comerciantes; ruralistas de baixa envergadura, e a maioria de servidores públicos é que sustentam esta cidade.
Os coronéis, não querem o progresso da cidade do jeito que está, para eles está bom, porque mudar?
Agora, o espirito de porco do prefeito recebeu dadivas divinas de seus asseclas edis (vereadores) a competência de aumentar salários de funcionários, a seu critério, não por merecimento, a quem bem entender e a qualquer época.
Os manás caíram do céu exatamente na sede do poder executivo.
Os puxa-sacos, com certeza, serão agraciados.
Arrematando este pequeno texto, espero do Prefeito eleito, que se cerque de pessoal competente, trabalhadores, para exercer uma boa gestão. É isso que o povo espera. É isso que eu desejo.
O pastor, Valter Filho, conduz o culto religioso.
adicionou 6 novas fotos.
Linda manhã de bênçãos a Taquaritinga
Por iniciativa dos vereadores Gilberto Junqueira e Joel Garcia, juntamente com o pastor Valter Filho, está sendo realizada agora na Câmara uma emocionante manhã de orações por Taquaritinga, pelas autoridades que a conduzem e pela população. Várias denominações evangélicas se uniram para orar e pedir bençãos.





Tiago Augusto Volante Olha o artigo da Constituição que proíbe tal prática